sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Possessivo Amor

Olhar você, a todo momento.
Sentir você, aqui por dentro.
Possuir você, além do tempo.
A meu bel prazer, eu não me contento.

O que eu quero é reticência,
Em minh' onda de calor.
Aceito até penitência
Pra te ter, meu louco amor.

Já está virando loucura,
Esse modo de querer
Ter você pra sempre meu,

Mas que posso eu fazer?
Se sou possessivamente
Apaixonada por você.
--------------------------
S2

2 Comentários *=):

Junior Santana disse...

huuuuuum...
tao romantica essa Alvirubra!
:D

um bjo Barbara!
;)

bruno p disse...

huuuuum, p quem será que foi feito esse poema?????????hauhauhau, te amo amor. bjuuuu

Postar um comentário